Iniciativas > Outras iniciativas

Transformar a Educação: Dá voz às tuas ideias!

Enquadramento

[22.09.2023]

Reconhecendo que a educação é um bem comum e que está na origem de todos os direitos humanos e do desenvolvimento sustentável (17 ODS) e que o desígnio da Agenda 2030 é “não deixar ninguém para trás”, no 75.º aniversário das Nações Unidas, o Secretário-Geral António Guterres convocou uma Cimeira da Educação Transformadora (Transforming Education Summit – TES), a acontecer em Nova Iorque, nos dias entre 16, 17 e 19 de setembro de 2022.  (Mais informação)

A Cimeira foi precedida de um processo preparatório inclusivo e aberto que incluiu consultas nacionais em mais de 100 países, entre os quais Portugal e das diversas instituições parceiras da comunidade internacional.

Dele resultaram Linhas de Ação Temática (Thematic Action Tracks) globais que “destacam as áreas que exigem maior atenção e ação”. (Mais informação)

Para que a agenda da Cimeira respondesse eficazmente à necessidade de recuperar e inovar a educação, o SGNU convocou uma Pré-Cimeira (Paris, 29-30 junho), na qual Portugal se fez representar através de uma delegação que, além do Ministro da Educação, João Costa, incluiu quatro alunos.

Coincidindo com o encerramento da Cimeira, a Rede de Bibliotecas Escolares lança esta iniciativa, da qual se esperam futuros encontros e decisões para tornar a educação equitativa, de qualidade e relevante, para enfrentar os desafios do século XXI. (Mais informação)

Objetivos

1. Provocar a reflexão, discussão e ação dos alunos sobre o futuro da educação.
3. Recolher soluções para transformar a educação.
4. Partilhar com os dirigentes da educação as propostas apresentadas. 

Público-alvo

Todas as crianças e jovens, desde a educação pré-escolar ao ensino secundário. 

Ação/ Mobilização

Em cada agrupamento de escolas/ escola não agrupada, a partir da biblioteca, são desencadeadas sessões de reflexão, discussão e ação que devem envolver o maior número possível de alunos.

Sugere-se que, para cada sessão, haja um ou mais relatores que registem as principais conclusões. Se a atividade envolver, na mesma escola ou agrupamento, diferentes turmas, é importante elaborar um relato global que reúna as conclusões de todos.

A Rede de Bibliotecas Escolares propõe recursos e atividades que podem facilitar a mobilização das crianças e jovens.

Processo

  1. Cada agrupamento de escolas/ escola não agrupada interessado em participar na iniciativa, regista a participação no formulário disponibilizado pela RBE, sendo o(s) professor(es) bibliotecário(s) o(s) responsável(eis) pela sua coordenação e registo.

  2. Cada agrupamento/ escola não agrupada calendariza sessões de reflexão/ discussão/ ação e seleciona um aluno por cada atividade desenvolvida, para estar presente numa sessão a distância, a ser dinamizada pela RBE.

  3. Na sequência das sessões nas escolas, o professor bibliotecário responsável procederá ao registo da informação sobre o processo de trabalho, os resultados globais e soluções propostas, pelos alunos, para transformar a educação.

  4. Os registos da informação recolhida, relativos a todo o processo, serão posteriormente partilhados pela RBE.

  5. Após a sessão à distância, serão convidados 20 alunos para participarem numa sessão presencial, de âmbito nacional, com o Ministro da Educação.

Linhas de Ação Temática

Cada sessão pode incidir sobre uma ou mais das seguintes Linhas de Ação Temática:

  1. Escolas inclusivas, equitativas, seguras e saudáveis
  2. Aprendizagens e competências para a vida, o trabalho e o desenvolvimento sustentável
  3. Aprendizagem e transformação digital

Cronograma

 

_
Contactos
_
Acessibilidade
_
Lista de distribuição
_
Blogue
_
Facebook
_
Instagram
_
Twitter
_
YouTube
_
Flipboard